quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Telescópio Kepler identifica 54 exoplanetas possivelmente habitáveis


Telescópio Kepler identifica 54 exoplanetas possivelmente habitáveis
Astrônomos identificaram 54 novos planetas em que as condições podem ser adequadas à vida, cinco deles com o tamanho da Terra. O anúncio foi feito pela equipe responsável pelo telescópio espacial Kepler, que também confirmou a existência de seis planetas circundando uma estrela de 8 bilhões de anos, a 2 mil anos-luz de distância, e 170 novos sistemas com mais de um planeta orbitando estrelas distantes.
Os exoplanetas são também chamados de planetas extra-solares, ou seja, aqueles que orbitam uma estrela que não seja o Sol. O telescópio Kepler foi concebido para buscá-los, olhando para um pedaço pequeno e fixo do céu, na direção das constelações Cisne e Lira (Cygnus e Lyra, respectivamente).
O telescópio é capaz de identificar os exoplanetas através da minúscula diminuição de luz que ocorre quando um deles transita em frente à sua estrela. Em seus primeiros meses de operação, Kepler detectou 68 planetas com o tamanho da Terra, 288 com até duas vezes o tamanho do nosso planeta, 662 com o tamanho de Netuno e 184 ainda maiores.
A descoberta de tantos planetas em um curto período de tempo e em uma pequena fração do céu indica que há inúmeros planetas que orbitam estrelas semelhantes ao Sol em nossa galáxia. Os recém descobertos 54 exoplanetas em zona habitável, inclusive, podem ter luas com água líquida.
Fonte: BBC
   

Nenhum comentário: