quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

CARTA DE APOIO À RETIRADA DO MINI ZÔO DA REDENÇÃO


 CARTA DE APOIO À RETIRADA DO MINI ZÔO DA REDENÇÃO
O Movimento “Lugar de Animal é no Habitat Natural” vem a público apoiar a Prefeitura Municipal de Porto Alegre em sua iniciativa de retirar o Mini Zôo do Parque da Redenção.
A visão ultrapassada de que manter animais enjaulados é útil para estudos, diversão, ou mesmo para a preservação de espécies, não se sustenta mais. Os tempos mudaram, os conceitos evoluíram. Não é dessa forma que se conhece o comportamento dos animais, não é com sofrimento do outro que devemos nos divertir, e não é mantendo alguns animais enjaulados que vamos preservá-los ou ao meio ambiente. Nenhum argumento justifica a existência desse precário zoológico, encravado na zona central de um aglomerado humano, e desconforme com as normas do IBAMA, que por si só já são questionáveis.
Protesto que marcou com tinta a voz dos animais
Os animais, que há tantos anos vivem nesse ambiente insalubre, devem ser removidos para um local adequado que lhes proporcione espaço, segurança e privacidade.
Parabenizamos a Prefeitura Municipal de Porto Alegre por essa iniciativa de resgate da dignidade dos animais e da cidadania dos porto alegrenses. Medida educativa de combate a uma visão utilitarista e antropocêntrica que tantos prejuízos trás, especialmente na formação do caráter das crianças, tornando-as insensíveis ao sofrimento do outro, semente da violência que tão drasticamente castiga nossa sociedade.
O Movimento “Lugar de Animal é no Habitat Natural”, representando 31 organizações não governamentais do estado do Rio Grande do Sul, coloca-se solidário e apóia integralmente a iniciativa da Prefeitura Municipal de Porto Alegre, esperando que esse exemplo seja seguido por todos os municípios que ainda mantém esse tipo de atividade.

Assinam esse documento
MGDA – Movimento Gaúcho de Defesa Animal – Entidades filiadas
APASFA - Associação Protetora de Animais São Francisco de Assis - Carazinho
Amigo Bicho & Companhia – Grupo de Conscientização da Vida Animal - Rio Grande;
Amigos, Associação de Proteção e Defesa da Vida Animal – Gravataí;
AMOGA - Associação Montenegrina dos Guardiões dos Animais – Montenegro;
APATA - Associação Protetora de Animais de Taquara;
APROCAN - Associação Protetora dos Animais de Canoas;
ASPA - Associação Santanense de Proteção aos Animais – Santana do Livramento
Associação Camarense de Proteção aos Animais - General Câmara;
APAC - Associação Gaúcha de Proteção aos Animais- Charqueadas;
AJEPA - Associação Jeronimense de Proteção aos Animais - São Jerônimo;
Associação Pelotense de Cidadania – Pelotas
ATPA - Associação Torrense de Proteção aos Animais - Torres;
Clube Amigo dos Animais, Santa Maria;
GADA – Grupo de Amparo e Defesa dos Animais – São Leopoldo
Gatos e Amigos - Porto Alegre;
Grupo Ramatis – Porto Alegre
NBPASFA – Núcleo Bageense de Proteção aos Animais São Francisco de Assis – Bagé
ONDA - Organização Nacional de Defesa Animal - Cachoeirinha;
ONDAA - Organização pela Dignidade dos Animais Abandonados.
REDIA - Rede de Educação Estadual dos Direitos dos Animais e do Meio Ambiente, Porto Alegre;
SOAMA - Sociedade Amigos dos Animais - Caxias do Sul;
S.O.S ANIMAIS – Viamão
União Santa Mariense Protetora dos Animais, Santa Maria;
UPV – União Pela Vida – Porto Alegre
PORTO ALEGRE MELHOR – Porto Alegre
VANGUARDA ABOLICIONISTA – Porto Alegre
UPAN – União Protetora do Ambiente Natural – São Leopoldo
GAEPOA - Grupo Pela Abolição do Especismo Porto Alegre – Porto Alegre
GAE-RIO GRANDE - Grupo Pela Abolição do Especismo Rio Grande – Rio Grande
V & C – Vira Latas e Coração – Rio Grande

Fonte: REDE Os Verdes/via e-mail
   

Nenhum comentário: