terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Sentinela do Sul nasce para o vôo livre

Sentinela do Sul nasce para o vôo livre
Prática de esporte radical torna-se realidade em Sentinela do Sul, unindo meio ambiente e desenvolvimento
Quem passou pela localidade de Cerro Pelado, em Sentinela do Sul, no dia 28 de dezembro de 2010, com toda a certeza foi pego de surpresa com o que viu nos céus.  A beleza e o contrate das cores azul, com o verde dos cerros, matas e campos ganhou ainda mais vida com o vermelho dos paragliders da escola “Cia do Ar” do município de Sapiranga. A aventura foi a confirmação daquilo que há muito tempo os sentinelenses já desconfiavam: O Cerro Pelado possui características apropriadas para a prática de esportes radicais como a asa delta, paragliders e rapel.
A escola de vôo livre “Cia do Ar”, composta por atletas profissionais, atua em Sapiranga desde 1977, ocasião em que o município do vale do sinos tornou-se referência nacional na prática deste esporte tão incomum e repleto de adrenalina. Satisfeito com os resultados obtidos, e deslumbrados com a beleza natural de Sentinela do Sul, o premiado competidor Ricardo Majolo conseguiu a façanha de concluir o vôo com 52 km de distancia do ponto de partida, pousando no interior do município de Minas do Leão.
Segundo Majolo, o Cerro Pelado, oferece condições concretas para que atletas superem o recorde gaúcho de distância em vôo livre que atualmente é de 232km. “a proximidade com a Laguna dos Patos e o bom posicionamento geográfico de Sentinela do Sul chamará a atenção de atletas de todos os níveis; uns em busca de aventura e outros do recorde gaúcho”. Relata Majolo, que a partir do Cerro Pelado como ponto de partida, alguns atletas mais experientes, poderão estender seu vôo até municípios da fronteira oeste do RS, como Caçapava do Sul.
Dentre os atletas que participaram da “expedição” ao Cerro Pelado, estava o empresário local Erico Stein, praticante de vôo livre que se diz feliz com a iniciativa e a boa qualidade do local para a prática esportiva.
Diante deste diagnóstico positivo, o Departamento Municipal de Meio Ambiente de Sentinela do Sul, pretende incluir a pratica do vôo livre no Projeto “Trilha Aventura”, que tem lançamento previsto para março de 2011. Segundo o Diretor de Meio Ambiente, Jones Martins Carvalho “a aliança entre esporte e natureza será plena neste projeto”. Em fase de conclusão, a iniciativa do governo municipal, prevê parcerias com produtores rurais, comerciantes, instituições de ensino, grupo de atletas e agencias de turismo. “desta forma conseguiremos potencializar as ações focadas no desenvolvimento econômico e social de Sentinela do Sul”.
Fonte: Gabinete do Prefeito
Imagens: Arquivo/DMA

Um comentário:

Dilmar Gomes disse...

Olá amiga. O evento tornará Sentinal conhecida nacionalmente. Isto é muito bom.
Certamente, vocês da ai da terra estão orgulhosos.
Um grande abraço.