domingo, 5 de dezembro de 2010

Elefantes bêbados matam três pessoas no leste da Índia

Elefantes bêbados matam três pessoas no leste da Índia
Elefantes bêbados após ingerir uma bebida alcoólica local mataram três pessoas e destruíram cerca de 60 casas em quatro dias de tumulto no leste da Índia, segundo o jornal inglês “The Guardian”.
O ataque só teria parado na quinta (2/12) quando, segundo autoridades locais, os animais dormiram, enquanto moradores tentavam limpar os destroços deixados por um rebanho de 70 grandes elefantes em vilas remotas na fronteira dos estados de Orissa e de Bengala Ocidental.
Segundo um administrador local, Bijay Kumar Panda, com a proximidade de um festival, os aldeões tinham estocado a bebida feita a base de arroz fermentado, que são armazenadas em vasos de barro, quando os elefantes encontraram e beberam.
Em seguida, os animais percorreram cambaleantes a área em volta e começaram a “pegar no sono para lá e para cá, completamente descontrolados”.
Especialistas em elefantes afirmam que este tipo de acidente está se tornando cada vez mais comum. Com a floresta nativa cada vez mais rara, especialmente na área onde este último acidente ocorreu, elefantes indianos se habituaram ao contato com seres humanos, diz o coordenador do programa World Wildlife Fund, Amirtharaj Williams.
“Estes rebanhos são efetivamente semi-urbanizados. Há elefantes que estão desenvolvendo um gosto para alimentos preparados por seres humanos porque são mais saborosos, tem cheiro forte e muitas vezes incluem bebidas feitas à base de arroz. Alguns vão em busca destas bebidas.”
Cerca de 400 pessoas são mortas por ano por elefantes na Índia e cerca de 1 milhão de hectares de fazendas é destruído. Em torno de cem elefantes são mortos por moradores no mesmo período.
A crescente população indiana e a expansão econômica do país têm pressionado pastos históricos que eram usados pelos elefantes. Para fugir de áreas dizimadas, os rebanhos migram. Tentativas de criar corredores seguros para os animais falharam diante da burocracia e falta de fiscalização.
Em setembro, sete elefantes foram mortos atropelados por um trem de carga.
As últimas estimativas calculam em 21 mil a população de elefantes na Índia, a maior da Ásia, sendo que a metade vive em estados do nordeste do país, como Assam, Arunachal Pradesh e Meghalaya.

Fonte: G1
Em Rede:

Nenhum comentário: