domingo, 17 de outubro de 2010

Planeta similar à Terra é descoberto

 Planeta similar à Terra é descoberto 
Na quarta-feira, 29 de outubro, a Fundação Nacional de Ciência dos Estados Unidos voltou seus olhos para o céu de um jeito diferente. Um astro com apenas três vezes a massa da Terra foi descoberto pelos astrônomos da Universidade da Califórnia e da Carnegie Institution de Washington orbitando a estrela Gliese 581, uma anã vermelha da constelação de Libra. Os bônus da descoberta são dois: o planeta tem capacidade para conter vida e fica a apenas 20 anos-luz da Terra.
Isso significa que um objeto que viaje na velocidade da luz pode chegar em Gliese 581 g, como foi batizado o planeta, em apenas 20 anos terrestres. Os astrônomos julgam que o astro fica em uma região na qual um planeta pode apresentar água líquida para formar rios, lagos e oceanos, além de uma clima ameno, nem tão quente nem tão frio, devido à distância com a estrela. Acredita-se que sua órbita dure pouco mais de um mês terrestre, com as possíveis estações do ano durando dias. Para os astrônomos, o planeta é o primeiro descoberto fora do sistema solar que possui potencial real para conter vida. Os resultados das pesquisas serão publicados na revista científica Astrophysical Journal, mas estão disponíveis online no site http://www.arXiv.org
Até setembro, 490 planetas foram descobertos fora do Sistema Solar.
Leia mais no PaperBlog

Follow OsVerdesdeTapes on Twitter

Nenhum comentário: