quarta-feira, 12 de maio de 2010

Lamúrias de Aldo, o neo-ruralista

Lamúrias de Aldo, o neo-ruralista
O deputado Aldo Rebelo, relator de uma comissão apinhada de ruralista que tenta mudar o Código Florestal, envia um e-mail para quem assina a petição do Greenpeace em favor de nossas florestas. O texto insinua que ele é o árbitro ideal para dizer o que é bom para o Brasil e que o ciberativista não sabe do que está falando.
A reação arrogante é o melhor exemplo de como ele sentiu a pressão do ativismo on-line.
Seu tiro saiu pela culatra e serviu para incentivar os brasileiros que não querem mudanças no Código Florestal a mandar um recado para o deputado. 
Aldo Rebelo envia mensagem para quem assina a petição em favor de nossas florestas.
Arrogante, o texto insinua que ele é o árbitro ideal para dizer o que é bom para o Brasil. 
Na noite da última terça-feira, 4 de maio, o deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP) soltou nova leva de sua mensagem respondendo à petição, enviada por quase 50 mil brasileiros a partir do site do Greenpeace, exigindo que ele deixe em paz nossas florestas. Aldo, relator da Comissão Especial na Câmara em que meia dúzia de deputados em fim de mandato tramam para desfigurar o Código Florestal Brasileiro, sentiu a pressão do ativismo on-line. 
No entanto, sua resposta saiu pela culatra. Seu tom, entre arrogante e paternalista, serviu para incentivar os brasileiros que não querem mudanças no Código Florestal a enviar a petição para o deputado. Nas últimas 24 horas, mais de 3 mil pessoas juntaram-se a outras milhares que já mandaram a petição para o gabinete de Aldo Rebelo.  A reação furibunda de Aldo figurava entre os assuntos mais comentados no Twitter. Ela deixou muita gente irritada.
Fonte: Greenpeace

Nenhum comentário: