sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Setor Noroeste, terra de ninguém onde cada um faz o que bem entende

Setor Noroeste, terra de ninguém onde cada um faz o que bem entende
Índios, considerados “invasores” do Setor Noroeste, uma espécie de “bairro” de Brasília
Especial para Revista Meio Ambiente
Dizer que o Noroeste é o primeiro bairro ecológico é apenas um elemento de marketing,” afirmam em artigo minucioso o coordenador do Setor Noroeste Paulo Zimbres e o professor da UnB – Universidade de Brasília, Geraldo Nogueira Batista. O grosso caderno de publicidade, propaganda e marketing com 24 páginas do Correio Braziliense (18.10.2009) vai além da afirmação dos arquitetos.
Leia mais na > http://www.revistameioambiente.com.br/2009/10/24/setor-noroeste-terra-de-ninguem-onde-cada-um-faz-o-que-bem-entende/

Nenhum comentário: